//
you're reading...
Análise de Episódios, V

Análise: V S02


Alguns comentários aos episódios da temporada dois de “V”.

V (2.01) – V voltou a todo o gás. A história torna-se mais complexa e mais interessante. Os efeitos continuam pobres mas o pouco orçamento não dá para mais.

V (2.02) – Um episódio bastante estranho com uma realização muito duvidosa. Salve-se os momentos de “terror” mas, de resto, o episódio deixou-me mesmo incomodado.

V (2.03) – Tortura. Luta. Mudança. Três palavras que tomaram conta do episódio. Continuou no nível que V nos habituou. E continuam os efeitos especiais mauzinhos…

V (2.04) – V envereda pelo lado moral. V segue, de novo, um caminho que não estava à espera. Foi credível-ish. Podia ter sido melhor mas, no entanto, Anna começa a aperceber-se que Chad sabe de alguma coisa. Evans começa a ficar sobre suspeita do seu novo parceiro.

V (2.05) – À excepção de um erro de principiante a nível de efeitos, V teve o seu melhor episódio da temporada. Com boas reviravoltas, com boa dinâmica e boas cenas, manteve uma história coerente, interessante que me manteve colado ao ecrã. Assim é que V deve ser e não “inovar” e ir por caminhos que não são os seus. Por vezes, a zona de conforto é bem melhor.

V (2.06) – O melhor episódio da série até agora. A guerra, finalmente, começou. Está tudo a postos para a batalha contra os lagartos. É aqui e agora o começo de mais uma Guerra Mundial. Tivemos guerra, tivemos explosões, tivemos história, tivemos dinâmica. Um episódio que esteve dentro da zona de conforto de V e que prova que mais vale estar aqui do que inovar e perderem-se por rumos que não são os mais indicados.

V (2.07) – Uma guerra de três, agora com a avó de Lisa ao barulho. Anna continua os seus planos de invasão da Terra mas vê-se com um Tyler incapaz de responder ao Red Sky. Erica, agora líder, começa a formular um plano para, finalmente, atacar a nave-mãe em Nova Iorque. Tudo está a avançar para o final da temporada que promete surpreender.

V (2.08) – Embora com um plano astucioso, a história pouco avança e poucos frutos dá. Contudo, dá-nos um episódio com bastante acção, bastante movimento e dinâmica e, sobretudo, entretém. A dois episódios do final, o jogo de xadrez avança para aquilo que será um xeque-mate.

V (2.09) – V teve mais um episódio interessante não se esquecendo de preparar o tão aguardado Season Finale. Com uma Anna mais poderosa, V está a ir pelo caminho certo. Mal posso esperar por terça para, finalmente, observar todo o cenário de guerra que a série tem vindo a guardar.

V (2.10) – Que grande final! Que grande bloodbath, que grandes histórias que se desenvolveram. Ainda estou sem palavras. Se V antes, não merecia todo o crédito que lhe davam, este episódio provou o contrário.

About Jorge Pontes

Viajar é nascer e morrer a todo o instante, até porque é fácil apagar as pegadas. Difícil, porém, é caminhar sem pisar o chão.

Discussion

No comments yet.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Biblioteca

Calendário

March 2011
S M T W T F S
« Feb   Apr »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  
%d bloggers like this: